Naruto Dimension


Naruto Dimension, o melhor forum da atualidade!
 
InícioPortalBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-seFAQ

Compartilhe
 

 [Rank B]

Ir em baixo 
AutorMensagem
Dori
Genin - Kiri
Genin - Kiri
Dori

Função : JOGADOR
Mensagens : 231
Pontos por atividade. : 291
Reputação : 0

Ficha Shinobi
HP:
[Rank B]  Left_bar_bleue100/100[Rank B]  Empty_bar_bleue  (100/100)
Chakra:
[Rank B]  Left_bar_bleue100/100[Rank B]  Empty_bar_bleue  (100/100)
[NPC] Experiência:
[Rank B]  Left_bar_bleue0/0[Rank B]  Empty_bar_bleue  (0/0)

[Rank B]  Empty
MensagemAssunto: [Rank B]    [Rank B]  Icon_minitime5th Agosto 2017, 8:17 pm

Era de noite... O sol acabava de se pôr, nas ruas da vila, uma por uma as luzes por detrás de janelas se iluminavam e as ruas se tornavam mais agitadas, camuflando-me naquele mar de gente. - Esse lugar está ficando bem agitado, melhor ir para um lugar mais calmo, não tenho nada para fazer mesmo... Nada melhor que um pouco de paz para clarear minha mente - Aumentei então a velocidade de meus passos e quando dei conta já estava nos portões da vila. Escalei as grandes estruturas verdes que compunham o portão e me sentei no topo do mesmo, observando o céu iluminado pela lua e suas irmãs, as estrelas. De repente, a imagem da lua era interrompida por alguma coisa que passava, um pássaro provavelmente, mas não dei atenção para isso. Ao olhar para o lado, dei de cara com uma ave negra encarando-me e portando consigo um pedaço de papel em sua perna. - A essa hora? - Desamarrei o laço que prendia o pergaminho ao animal e libertei-o de volta a natureza. Lia o conteúdo da carta e em seguida voltava meu olhos para a floresta. - Provarei meu valor dessa vez... Para o inferno as pessoas e as gorjetas que lhes dão! Completarei essa missão de um jeito ou de outro! - Pensei com uma expressão que claramente indicava raiva, raiva de mim mesmo.

- Já é de noite, os vigaristas devem estar na vila se apresentando. Melhor ir procura-los! - Desci de meu lugar de descanso e retornei a vila, destinado a encontra-los. Corri por alguns minutos até que em meio aos sons de pessoas andando e conversando, pude escutar algo diferente, uma melodia, daí pra frente tudo que fiz foi segui-la. Acabei deparando-me com um bando de 4 pessoas, um deles era um magrelo de cabelos castanhos, este tocava flauta. Era acompanhado por mais 3 homens, todos bem mais encorpado que ele, um tocava viola, outro tocava tambor, e o último cantava, esbanjando sua voz grave. Assisti sua apresentação para confirmar que aquele era o bando. Quando a apresentação aproximava-se de seu fim, minha mão parecia mover-se sozinha, ia de encontro ao meu bolso e apanhava a maior quantidade de ryous que podia, em seguida jogava-os num chapéu que estava no chão, cheio de moedas. Observava as pessoas indo embora com uma cara de quem não entendeu muito bem o que havia acontecido, mas não acho que suspeitaram que se tratava de uma técnica. - Então são eles... - Afastei-me da área em que eles estavam de forma que pudesse observa-los de longe e não acabasse sendo uma vítima de suas técnicas e esperei que suas apresentações acabassem.

Devo ter passado cerca de uma hora observando-os, esperando que se levantassem, recolhessem suas coisas, e fossem embora, até que meus pedidos foram realizados. O flautista foi o que se levantou primeiro e deu uma ordem para os demais, que começaram a arrumar suas coisas e segui-lo para um beco. - A vila quer informações? Nada melhor do que levar um deles para ser interrogado... Não li nenhuma regra sobre não poder matar ninguém. Hehehe! - Ria comigo mesmo, feliz com a chance de mostrar para mim que não era um inútil como estava me sentindo, que iria cumprir a promessa aos meus pais, um sorriso psicopata se formava em meu rosto. Segui-os até um beco onde haviam entrado, já ciente de suas habilidades, tracei um plano para derrota-los. Estavam de costas para mim, prendi-me em uma das paredes do lugar com chakra em meus pés e corri em direção a eles, com um pulo, parei entre os cinco. - Ok, parados aí! Desistam e talvez eu - Minha fala foi interrompida por um soco no rosto que me fez voar longe, não era necessariamente um golpe cheio de técnica, mas com certeza era cheio de força.

- Hehehehehehe! Agora sim! se eu mata-los, posso dizer que foi legítima defesa - O flautista pegava seu instrumento e o trazia em direção a sua boca, quando dei-me conta, sua melodia tomava conta do lugar e eu sequer conseguia me mover. Minhas pernas começavam a se mover e iam de encontro ao vigaristas, sequer tentei lutar contra aquilo, só deixei que continuassem com o que estavam fazendo. Parei de frente para o líder do bando, o flautista de cabelos castanhos, ele encarava-me com um sorriso malicioso e eu somente o respondia com um expressão vazia. - Ah, não seja tão sério! vamos nos divertir um pouco, Hahahaha! Parece que seu plano de nos capturar não deu muito certo, nós iremos brincar um pouco te torturando, vamos pegar todo o seu dinheiro, e depois vamos fazer você mesmo pegar uma de suas kunai e enfia-la em sua própria garganta, HAAHAHAHA! - Disse ele, parecendo se divertir com a situação. Analisei bem a situação. - Estou cercado por eles, exatamente como queria - Descargas elétricas saiam de meu corpo e tomavam conta do lugar, eletrocutando e levando todos ao chão, exceto pelo flautista, que ainda se mantía em pé, mesmo que muito debilitado. Foi preciso somente um empurrãozinho para faze-lo cair. Fitei-o bem em seus olhos cansados e disse para ele, com um ódio em meu rosto que nunca havia demonstrado antes: - Não gostei do seu tom! tive uma ideia melhor... Vamos outra brincadeira, ao invés disso eu vou matar seus capangas na sua frente e depois leva-lo para ser interrogado, Que tal? - Sequer dei tempo para que ele respondesse, um Chidori Eiso Saía de minha mão e perfurava o peito de um de seus companheiros. Balançava a mão lentamente e arrancava suas cabeças um por um.


Quando tudo acabou, sequer podia me reconhecer - Isso tudo foi para provar a mim mesmo que sou forte? O que eu me tornei? O que Masato pensaria se estivesse me vendo agora?... Não, ele não entenderia... Eu fiz uma promessa, não poderei fraquejar. Devo manter minha promessa não importa o que aconteça! - Levei o flautista para o centro de interrogações para que eles assumissem de lá e informei sobre os corpos, fiz questão de esconde-los para que cidadães comuns não os encontrassem antes que os ninjas encarregados pudessem chegar no local. - "Foi para me defender" eu disse, mas sei que fiz isso porque quis, estou trilhando um caminho que não sei se quero trilhar... Mas a pior parte é que eu acho que é o caminho reservado para mim... -

Falas ; Pensamentos

HP: 550|600 CH: 410|500

Bolsa de equipamentos:
 

Jutsus:
 

Missão:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Blackbeard
Nidaime Hokage
Nidaime Hokage
Blackbeard

Função : ADMINISTRADOR
Mensagens : 3655
Pontos por atividade. : 4003
Reputação : 12

Ficha Shinobi
HP:
[Rank B]  Left_bar_bleue1800/1800[Rank B]  Empty_bar_bleue  (1800/1800)
Chakra:
[Rank B]  Left_bar_bleue1900/1900[Rank B]  Empty_bar_bleue  (1900/1900)
[NPC] Experiência:
[Rank B]  Left_bar_bleue0/0[Rank B]  Empty_bar_bleue  (0/0)

[Rank B]  Empty
MensagemAssunto: Re: [Rank B]    [Rank B]  Icon_minitime6th Agosto 2017, 4:30 pm

Gostei bastante da narração. Se não fosse as cores exóticas (sou meio cego euheu), não haveria pontos negativos. Missão aprovada.




[Rank B]  9f74e4dfa08d233c771b87e2d8c91318



[Rank B]  BDqTpkq
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
[Rank B]
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Missão de Rank D - Aniversário da Sobrinha Chata do Hokage "FFFFFFFFUUUUUUUUU"
» Missão Rank D - Perseguidor Persistente
» [Regra] Bunshins em Geral
» Missão de Rank C - Espiar com a ANBU
» Missão Particular de Rank D: Cura Gélida - Hisoka Kaede

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Dimension :: Missões da Vila-
Ir para: