Naruto Dimension
Naruto Dimension
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.


Naruto Dimension, o melhor forum da atualidade!
 
InícioPortalBuscarRegistrar-seConectar-se

 

 [FP] Sout

Ir em baixo 
AutorMensagem
Seikyo
Genin - Suna
Genin - Suna
Seikyo

Função : JOGADOR
Mensagens : 52
Pontos por atividade. : 78
Reputação : 0

Ficha Shinobi
HP:
[FP] Sout Left_bar_bleue450/450[FP] Sout Empty_bar_bleue  (450/450)
Chakra:
[FP] Sout Left_bar_bleue400/400[FP] Sout Empty_bar_bleue  (400/400)
[NPC] Experiência:
[FP] Sout Left_bar_bleue0/0[FP] Sout Empty_bar_bleue  (0/0)

[FP] Sout Empty
MensagemAssunto: [FP] Sout   [FP] Sout Icon_minitime26th Abril 2017, 8:24 pm

[FP] Sout Giphy

NOME: Sen Hyūga
ALCUNHA:  —X—.
IDADE: 11 (Gennin) • 13 (Chunnin) • 15 (Jōnin) • 17 (Outros).    
SEXO: Masculino.          
ESTADO: Vivo.          
MEDIDAS: 1.59m - 49kg (Gennin) • 1.69m - 70kg (Chunnin) • 1.83m - 73kg (Jōnin) • 1.97m - 87kg (Outros).
REPUTAÇÃO: 0.
CLÃ/HABILIDADE: Hyūga.
BIJUU: —X—.
ORIGEM:  —X—.
RESIDENTE: Konohagakure.
OCUPAÇÃO: Gennin.
LIBERAÇÕES: —X—.
ELEMENTOS: —X—.


VANTAGEM:
 

DESVANTAGENS:
 

ATRIBUTOS:
 


Descrição Física

Gennin & Chunnin • Jōnin & Outros.

Descrição Psicológica

Desde sua infância, Sen era muito independente e auto-confiante, às vezes até mesmo parecendo arrogante e condescendente. Apesar disso, é muito perceptivo e intuitivo, rapidamente percebendo o desenrolar da situação. Após a morte de seu pai, Sen tornou-se mais severo, distante e frio para com os outros, seguindo todas as regras à letra, castigando qualquer um que desobedecia e desejando abandonar seus companheiros para terminar as missões.

Sen normalmente tem uma atitude relaxada e aborrecida, não sendo muito o tipo de pessoa que fica a trabalhar até tarde por um assunto qualquer ou por qualquer pessoa. Não mostra nenhum sinal de arrogância e é bastante modesto sobre suas habilidades. Ele está habitualmente atrasado, aparecendo quando lhe convém, usando desculpas que não convencem ninguém, e mais tarde deixando por razões igualmente pobres. Embora ele queira que os outros acreditem que isso é como ele sempre age, ele só o faz por questões que não são de particular importância.

Sen é mais uma pessoa solitária. É apático e muitas vezes fala sem rodeios sobre temas sensíveis e, ocasionalmente, ignora seus companheiros de classe quando passa por eles. Ele está sozinho durante a maior parte de seu tempo livre, passando horas visitando o túmulo de seu pai e da sua mãe. Ele conta-lhes sobre sua vida, eventos recentes em Konoha, e outros que eles sabiam, mas na maior parte ele compartilha seus arrependimentos que eles não podem estar com ele ou que suas mortes foram culpa dele. Depois que a sua mãe morreu, Sen passou por um período de transtorno de estresse pós-traumático, tendo pesadelos sobre sua morte e crescendo deprimido sempre que outros a mencionavam.

Conforme foi crescendo dentro do clã e na academia, ele percebeu que o trabalho em equipe é essencial e pode tornar uma situação mais fácil: acredita que os objetivos podem ser alcançados de forma mais efetiva em conjunto, pedindo ajuda quando precisa, fornecendo ajuda quando ela é solicitada e elogiando aliados quando eles merecem. Um abuso de seus companheiros de equipe é a única coisa que pode fazer Sen deixar de lado seu comportamento normalmente estóico, fazendo com que ele ataque sem misericórdia ou seu senso comum de desportivismo.

História

Sen foi mais um jovem garoto que teve a sorte de nascer dentro do famoso e respeitado clã Hyūga. Famoso pela sua Kekkei Genkai, Byakugan, e respeitado pelo seu talento e conhecimento em todas as artes ninjas. Eram excelentes em Taijutsu, inteligentes o suficiente para perceber Genjutsus e muito conhecedores da arte do Ninjutsu. Haviam vários membros do clã que eram capazes de usar melhor Ninjutsu que Taijutsu, o que não era habitual, mas os membros mais velhos já começavam a aceitar.

Era filho de Hinashi e Mikoto, dois membros respeitados dentro do clã e também muito talentosos. Ambos eram Jōnin com grandes habilidades em Taijutsu e Ninjutsu, respectivamente. Mikoto era também ninja médica, o que ainda a tornava mais forte e respeitada dentro do clã. Os dois conheciam-se desde a academia, apesar de terem pertencido a equipes diferentes. Por um longo período, pertenceram ao mesmo esquadrão da ANBU, onde acabaram por começar a sua relação amorosa que acabou por tomar rumos mais sérios, levando a que os dois quisessem casar e viver juntos.

Quando assim foi, os dois saíram da ANBU e voltaram à vida mais tranquila de Jōnin, sendo, por vezes, chamados para missões na ANBU que podiam não ser tão perigosas. Quando os dois tinham vinte e oito anos, Mikoto ficou grávida e nove meses depois, nasceu o pequeno garoto ao qual deram o nome de Sen. Era o descendente da família, mesmo eles querendo ter outro filho. Durante os primeiros meses, nenhum dos dois fizeram qualquer tipo de missão, afastando-se um pouco da vida ninja. Eram chamados apenas para missões simples na vila, que até Gennins poderiam fazer, mas que tinham um certo grau de urgência.

Porém, o dinheiro começava a ficar escasso e eles precisavam de trazê-lo para casa. Sen era já crescido, já tinha sete anos e tinha acabado de ingressar na academia ninja. Era já uma criança independente e autónomo, cada vez precisando menos dos pais. Então eles optaram por voltar ao trabalho. Mikoto arranjou um trabalho como médica no hospital, aposentando-se por completo da vida ninja, enquanto Hinashi voltava a ingressá-la por completo, indo nas mais complicadas e duradouras missões, mas sempre retornando a cada como a sua mulher desejava e rezava para todos os dias.

Um dia, quando já Sen tinha nove anos, o seu pai ingressou numa missão mais perigosa fora da vila. Mikoto sempre lhe pediu para que ele não fosse, mas Sen insistia que esse era a função dele e que se acontecesse alguma coisa, ele protegeria a sua mãe. Por ironia do destino ou não, Hinashi nunca mais voltou para casa vivo. Os seus companheiros da missão trouxeram o seu corpo morto para que pudesse ter um funeral digno que bem o merecia. Ele tinha morrido para proteger os seus companheiros que preferiram seguir as regras e objectivos em vez de trabalharem em equipe.

Isso chocou Sen e por tempos ele pensou que para sobreviver, ele tinha que seguir as regras e objectivos, tornando-se obcecado com isso. Ele culpou-se um pouco pela morte do seu pai, mas sabia que tinha prometido que iria proteger a sua mãe. Não havia motivo para se querer vingar, pois os responsáveis tinham pago com a própria vida. Por tempos ele protegeu a mãe dele, de todo o tipo de perigos. Cães raivosos, familiares de pacientes frustrados, enfim. Muita coisa e começou a fazer isso a partir do momento que soube que ela estava grávida, pois desejava imenso conhecer o seu irmão ou irmã.

Um dia, durante a noite, enquanto Mikoto e Sen dormiam descansados, alguém invadiu a casa deles. Por infelicidade do invasor, fez demasiado barulho ao partir a janela e tanto o garoto como a sua mãe despertaram. Era mais um familiar frustrado e enraivecido pela morte de um familiar que era paciente de Mikoto, mas que não havia nada a fazer. Ele tinha um objectivo, matar Mikoto e assim fez. Sen ainda se colocou na frente do homem, mas ele era demasiado grande e forte para o garoto, tendo-o atropelado e cortado a garganta de Mikoto bem na frente dele. Pobre mulher que não conseguiu fugir com o peso da barriga.

Mais um incidente nada feliz na vida de Sen, pois aquele homem tinha matado a sua mãe e futuro irmão ou irmã. Aquilo deixou-o de tal forma perturbado que sofreu de um transtorno, estresse pós-traumático, tendo pesadelos ou visões com a morte da mãe dele sempre que dormia ou a mencionavam. Mais uma vez, culpou-se pela morte dela e pela morte de seu pai. A partir do funeral dela, Sen começou a visitar o túmulo de seus pais todos os dias, conversando com eles sobre tudo, especialmente sobre os seus arrependimentos e desculpando-se por não ter conseguido evitar nenhum dos incidentes.

Uns tempos a ser acompanhado por um psicólogo e as coisas acalmaram. Não que ele tivesse esquecido isso, mas conseguiu ultrapassar o transtorno e voltar à sua vida habitual, mesmo com algumas dificuldades. Acabou se formando na academia com distinção, era um jovem muito talentoso e um ninja com muito potencial também. Ao graduar-se, ele traçou um objectivo para ele mesmo, não deixar que ninguém que ele amasse, morresse, mesmo que isso custasse a sua honra, pátria, a vila, uma missão ou a própria vida. Talvez com isso pudesse ganhar algum reconhecimento e respeito na vila, outro dos seus objectivos.


[FP] Sout Giphy

FP | MF | B | LT | LA | CJ
Voltar ao Topo Ir em baixo
Seikyo
Genin - Suna
Genin - Suna
Seikyo

Função : JOGADOR
Mensagens : 52
Pontos por atividade. : 78
Reputação : 0

Ficha Shinobi
HP:
[FP] Sout Left_bar_bleue450/450[FP] Sout Empty_bar_bleue  (450/450)
Chakra:
[FP] Sout Left_bar_bleue400/400[FP] Sout Empty_bar_bleue  (400/400)
[NPC] Experiência:
[FP] Sout Left_bar_bleue0/0[FP] Sout Empty_bar_bleue  (0/0)

[FP] Sout Empty
MensagemAssunto: Re: [FP] Sout   [FP] Sout Icon_minitime26th Abril 2017, 8:46 pm

Técnicas & Utensílios

BÁSICOS:
 

KEKKEI GENKAI:
 

CLÃ:
 

Links Comprobatórios

Loja de Técnicas


[FP] Sout Giphy

FP | MF | B | LT | LA | CJ
Voltar ao Topo Ir em baixo
Zero
Jōnin - Konoha
Jōnin - Konoha
avatar

Função : JOGADOR
Mensagens : 746
Pontos por atividade. : 1129
Reputação : 0

Ficha Shinobi
HP:
[FP] Sout Left_bar_bleue1150/1150[FP] Sout Empty_bar_bleue  (1150/1150)
Chakra:
[FP] Sout Left_bar_bleue1500/1500[FP] Sout Empty_bar_bleue  (1500/1500)
[NPC] Experiência:
[FP] Sout Left_bar_bleue0/0[FP] Sout Empty_bar_bleue  (0/0)

[FP] Sout Empty
MensagemAssunto: Re: [FP] Sout   [FP] Sout Icon_minitime26th Abril 2017, 8:52 pm

Aprovado.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Conteúdo patrocinado




[FP] Sout Empty
MensagemAssunto: Re: [FP] Sout   [FP] Sout Icon_minitime

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
[FP] Sout
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Naruto Dimension :: Principal :: Área On :: Ficha de Personagem :: Fichas Aprovadas-
Ir para: